domingo, 7 de abril de 2013

deificação


nasceste da terra ensanguentada
onde os sons se formam
enterrados e meios absorvidos
fermentam
propagam-se
em sílabas

transmites as palavras esquecidas


a música sai dos teus dedos
a criança à tua frente
em rituais desconhecidos
oferendas
sacrifícios
em gestos

dá-se a pureza das coisas


Sem comentários: